quarta-feira, 22 de março de 2017

QUANDO O ESTELIONATÁRIO NÃO É PRESO, O CASTIGO DO POVO VEM A MACHETE!

O advogado Américo Ramirez Chavez, de 37 anos, foi assassinado e teve o corpo esquartejado nesta madrugada. Crime aconteceu no cruzamento da Rua João Gualberto Cabral com a Rua Amélia, no Bairro da Granja, próximo a pista do Aeroporto Internacional de Ponta Porã. Braços, pernas, cabeça e tronco estavam separados em sacos de lixo.

De acordo com o site Ponta Porã Informa, imprensa de Pedro Juan Caballero, no Paraguai, divulgou que o corpo encontrado esquartejado é do advogado Américo, que morava no país vizinho.

Conforme a polícia paraguaia, a vítima estava em sua residência, quando dois homens fortemente armados invadiram o imóvel ontem à noite e retiraram o advogado à força do local. Em seguida, a família de Américo informou o caso para as autoridades.

Moradores que se depararam com o corpo informaram que no cruzamento foram encontrados vários sacos pretos de lixo contendo braços, pernas e cabeça que foram separados do corpo da vítima.

Ainda segundo a polícia, contra Américo havia mandado de prisão em aberto pela prática do crime de homicídio.

fonte: Porã News

[A Língua! News]: Como no caso dos consórcios em que quadrilhas HOMOLOGADAS PELO BANCO CENTRAL ESTÃO ROUBANDO BILHÕES DA POPULAÇÃO E NINGUÉM FOI PRESO... NO DIA EM QUE APARECER DONOS DE OPERADORAS DE CONSÓRCIO E RESPECTIVOS AGENTES DO CRIME 171 ESQUARTEJADOS, DAÍ A POLÍCIA VAI QUERER POSAR DE POLITICAMENTE CORRETA (HIPÓCRITA).

Nenhum comentário:

Postar um comentário